Rua Caiana, 184 - Bairro Santa Inês

Belo Horizonte/MG - CEP 31080-190

​​

031 3467-3283

© Congregação das Irmãs Franciscanas do Senhor

Processo de Avaliação

A avaliação do rendimento escolar da Instituição é contínua e processual, dinâmica e participativa, além de diagnóstica e investigativa, acompanha o desenvolvimento de aprendizagem do aluno, a aquisição de competências e habilidades necessárias à formação, prevalecendo os aspectos qualitativos sobre os aspectos quantitativos, bem como os resultados obtidos ao longo do período escolar sobre os exames e provas finais, quando adotados.

Neste enfoque, entender-se-á por trabalhos para avaliação de aproveitamento, quaisquer exercícios ou tarefas teóricas ou práticas de que, com esta finalidade, foram os alunos incumbidos pelos professores. Na avaliação contínua e cumulativa do desempenho do aluno, serão utilizados instrumentos diversos para verificação do desenvolvimento escolar, incluindo os registros indispensáveis ao acompanhamento do processo de aprendizagem A avaliação diagnóstica e investigativa possibilitará a verificação da adequação dos currículos ou a sua reformulação, da necessidade de se adotarem medidas didático-pedagógicas inovadoras, garantindo o ajustamento psico-social do aluno e sua aprendizagem.

O ano letivo será dividido em três etapas. Em cada etapa letiva, serão desenvolvidas as atividades de Ensino-aprendizagem e as respectivas avaliações. A avaliação versará sobre os conteúdos/bases tecnológicas lecionadas na etapa letiva.

A avaliação de competências e habilidades será expressa, em notas, numa escala de 0 (zero) a 100 (cem) pontos assim distribuídos:

1ª Etapa: 30 pontos (fevereiro/março/abril/maio)
2ª Etapa: 30 pontos (maio/junho/julho/agosto)
3ª Etapa: 40 pontos (setembro/outubro/novembro/dezembro)

Ao fim do período letivo, o aproveitamento do educando precisará ser igual ou superior a 70 (setenta) pontos. Caso contrário ele será convocado a recuperar a aprendizagem, o que acontecerá de forma processual. A avaliação de atitudes e participação dar-se-á a partir da observação do professor em relação ao aluno dentro da sala de aula, tendo como enfoque os aspectos qualitativos como envolvimento e interesse.

Critérios de Avaliação